Publicado em 14 de Setembro de 2021

Opinião - Presidenta da Compesa Manuela Marinho, mostra força e competência da mulher

FILADELFIA FM

Manuela Marinho, Diretora Presidenta da Companhia Pernambucana de Saneamento tem desenvolvido um trabalho exitoso e plausível à frente da Compesa. Sua desenvoltura, competência, determinação mostra a capacidade da mulher em Pernambuco ao comandar uma das maiores companhias do Estado. 


A Compesa é uma sociedade anônima de economia mista, com fins de utilidade pública, está vinculada à Secretaria de Infraestrutura e Recursos Hídricos, tendo o Estado como seu maior acionista. Desde a sua fundação em 1971, todos os 184 municípios do Estado e o distrito de Fernando de Noronha, estão na rota de trabalho e planejamento da companhia.


A Compesa já introduziu 22 mil km de tubulação de água e mais de seis mil km de tubulação de esgotamento sanitário no Estado. Está instalando uma usina solar com capacidade de gerar 135 MW para autoprodução, o intuito é otimizar e reduzir custos com energia. A companhia firmou convênio com a UFPE no valor de R$ 4 milhões, para estudos de inovação tecnológica no abastecimento de água em áreas de morros. As previsões de recursos investidos pelo Governo do Estado são na ordem de R$ 1,2 bilhões, com vistas à universalização dos serviços prestados pela Companhia. 


A Compesa completou em 29 de julho mais um ano de existência, houve comemorações e honrarias pelos 50 anos de serviços prestados ao povo pernambucano. A Assembleia Legislativa de Pernambuco, através de indicação da deputada estadual Laura Gomes, prestou uma bela homenagem a entidade. O evento contou com a presença de João Bosco que tem 20 anos de serviços prestados a empresa, Eriberto Medeiros, presidente da ALEPE, os deputados Diogo Moraes e Antônio Morais, além de diretores e colaboradores da Companhia.


Manuela Marinho é auditora fiscal da Receita Estadual da Paraíba, e em Pernambuco exerceu a função de Secretária Executiva do Programa de Desenvolvimento do Turismo de Pernambuco (Prodetur). Comandou a pasta de Turismo, Esportes e Lazer. Em 2019, esteve à frente da área de transportes na Secretaria de Infraestrutura e Recursos Hídricos (Seinfra) até receber a indicação do governador Paulo Câmara para a presidência da Compesa. 


Manuela Coutinho Domingues Marinho é Engenheira Civil pela Universidade Federal de Pernambuco, é pós-graduada em Engenharia de Segurança do Trabalho pela Universidade de Pernambuco. É a primeira vez em 50 anos que uma mulher comandada a Compesa, antes a entidade foi presidida por Roberto Tavares.

Veja tambem: