Publicado em 06 de Março de 2021

“SÃO VÁRIAS ÁREAS QUE O PSB ESTÁ FALHANDO E ESTOU COBRANDO A SOLUÇÃO

FILADELFIA FM

O deputado estadual Romero Sales Filho (PTB) concedeu entrevista ao blog do Alberes Xavier, onde falou de sua atuação na Assembleia Legislativa de Pernambuco, teceu críticas ao modelo PSB de governar e exaltou os jovens Antônio Coelho e Miguel Coelho. 


“Tem sido gratificante pra mim, pois percebo a importância que um deputado pode fazer beneficiando a população com suas ações. Meu mandato é feito baseado na fiscalização e no encontro diário com o povo, onde visito hospitais, percorro ônibus coletivos e vejo de perto a superlotação no sistema”, afirmou. 


Sobre a forma do PSB governar o Estado, Romero Sales Filho teceu críticas ao governador Paulo Câmara e afirmou que a população precisa enxergar um novo rumo. “Existem problemas que não são sanados há décadas, como a falta de abastecimento de água e melhoria no saneamento, ocasionando em muitas pessoas doentes por não ter o básico, e agora na pandemia tem investimentos vultuosos e nada de resolver o problema”, avaliou. 


Parcerias - “Não atuo apenas na área metropolitana, tenho ajudado com emendas parlamentares e benefícios do Governo Federal a muitas prefeituras, onde destaco Riacho das Almas que já destinei mais de R$ 400 mil, e João Alfredo onde estou destinando recursos para amenizar a situação onde o estado não permite que as pessoas trabalhem devido a pandemia”, frisou. 


Miguel Coelho – “É inegável o trabalho feito em Petrolina pelo prefeito e foram diversas obras e ações que podem ser exemplos para o Estado. Tudo que é bom devemos copiar e também trouxemos algumas experiências para Ipojuca. Ele está municipalizando águas e saneamento e isso caracteriza benefício. Estamos estudando e acredito que Ipojuca também pode implantar este sistema”, comentou.  


PTB - “Cheguei ao PTB a convite de Armando e considero que tivemos uma grande conjuntura. Creio que o partido hoje está numa situação de transição e vamos estudar como estará o partido e as lideranças. Daqui pra o próximo ano vamos observar a posição do partido para tomarmos a melhor decisão”, pontuou.

Veja tambem: