Publicado em 03 de Dezembro de 2018

População da Capital tem acesso a 18 tipos de vacinas

www.filadelfiafm.net

Com a perspectiva de ampliar a assistência e garantir o cuidado preventivo na rede pública de saúde em João Pessoa, a Prefeitura Municipal, através da Seção de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), disponibiliza gratuitamente à população 18 tipos de vacinas que fazem parte do calendário de rotina. As vacinas são disponíveis em todas as Unidades de Saúde da Família (USF), Policlínicas Municipais e Centro Municipal de Imunização (CMI).

Comprovadamente, as vacinas são o meio mais seguro e eficaz de proteção contra inúmeras doenças infecciosas, e são obtidas a partir de partículas do próprio agente agressor, sempre na forma atenuada (enfraquecida) ou inativada (morta).

“As vacinas têm como objetivo simular uma doença infecciosa, só que de forma segura, sem causar a doença nem efeitos colaterais graves. A partir do momento que as doses são aplicadas, ela desencadeia uma série de reações imunológicas, que levam a um estado de proteção (imunidade protetora) contra a doença para a qual a vacina foi desenvolvida”, explicou Fernando Virgolino, coordenador da seção de imunização em João Pessoa.

Para a maioria das vacinas atualmente disponíveis a imunidade protetora é atribuída à produção de anticorpos que reconhecem o patógeno, agente causador de doença e, o impedem de se multiplicar e causar a doença no indivíduo já imunizado.

“Quando nosso organismo é atacado por um vírus ou bactéria, nosso sistema imunológico, que atua na defesa, dispara uma reação em cadeia com o objetivo de frear a ação desses agentes estranhos”, completou o coordenador.

Dados – Como parte do Programa Nacional de Imunizações (PNI) e do programa de vacinação da rede municipal de saúde, em 2017, foram administradas 628,2 mil doses de vacina no município. Sendo a mais procurada a vacina de hepatite B (54 mil doses administradas), dT (45,5 mil doses administradas) e meningocócica C (39,6 mil doses administradas).

De janeiro a setembro de 2018 já foram 770 mil doses ofertadas, sendo a mais procurada, a hepatite B, com 40,8 mil doses, além das campanhas promovidas pelos serviços, que levam muitas pessoas aos postos de vacinação.

Nos serviços de saúde são ofertados gratuitamente vacinas como BCG, Hepatite B, Hepatite A, Pentavalente, DTP, VIP, VOP, Meningocócica C, Pneumocócica 10, Rotavírus, Tríplice viral e Varicela para as crianças. Já para os adolescentes, dT, Hepatite B, Tríplice Viral, HPV e Meningocócica C; e para os adultos, dT, Hepatite B e Tríplice viral.

Adultos e crianças – É importante salientar que embora o maior número de vacinas esteja previsto para utilização na infância, existem algumas que devem ser utilizadas na vida adulta, cuja indicação vai depender da história vacinal do adulto (vacinas utilizadas na infância e adolescência), das doenças que o adulto teve durante sua vida, sua saúde e a situação epidemiológica local.

“No Serviço Único de Saúde, além das vacinas que fazem parte do calendário como esquema vacinal, são ofertadas vacina antirrábica humana e febre amarela para casos específicos dos usuários”, explicou Fernando Virgolino. “Diante de todo trabalho preventivo que realizamos, as pessoas devem se conscientizar da importância da vacinação para manter o bloqueio de doenças dentro do nosso território, impedindo o acesso de doenças e de suas complicações”, completou.

Saiba quais vacinas fazem parte do no calendário nacional de vacinação:

BCG (Bacilo Calmette-Guerin) – (previne as formas graves de tuberculose, principalmente miliar e meníngea)

Hepatite B

Pentavalente (previne difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e meningite e infecções por HiB)

Vacina Inativada Poliomielite (VIP) (previne poliomielite ou paralisia infantil)

Vacina Oral Poliomielite (VOP) – (previne poliomielite ou paralisia infantil)

Pneumocócica 10 Valente (previne pneumonia, otite, meningite e outras doenças causadas pelo Pneumococo)

dTpa (Tríplice bacteriana acelular do tipo adulto) – previne difteria, tétano e coqueluche

DTP (Difteria, tétano e coqueluche)

Rotavírus (previne diarreia por rotavírus)

Meningocócica C (previne as meningite do soro tipo C)

Febre Amarela – dose única (previne a febre amarela)

Tríplice viral (previne sarampo, caxumba e rubéola)

Pneumocócica 23 Valente (previne pneumonia, otite, meningite e outras doenças causadas pelo Pneumococo)

Influenza – (previne contra a gripe e suas complicações)

Hepatite A

Varicela atenuada (previne varicela/catapora)

HPV (previne o papiloma, vírus humano que causa cânceres e verrugas genitais)

Dupla Adulto (previne difteria e tétano)

MaisPB

Veja tambem: